Material de Desenho – A lista essencial

Descubra quais os materiais desenho utilizados pelos grandes artistas

Quem não tem cão caça com gato.

Essa frase resume o início da Mattel, a maior fabricante de brinquedos do mundo.

O casal Ruth Handler e Elliot e seu amigo Matt Matson não tinham dinheiro para ter uma fábrica. Então, eles começaram a produzir seus primeiros produtos dentro de suas casas mesmo.

Só 11 anos depois, seria criada a primeira de cerca de 1 bilhão de Barbies que viriam. Além da icônica boneca, foram lançados também Max Steel, Hot Wheels, Polly Pocket e outras marcas que marcaram a infância de crianças pelo mundo todo.

Bem, para começar seu sonho de viver de desenho, você não precisa de uma grande estrutura.

Eu já ensinei você como montar seu próprio estúdio de desenho e começar ainda hoje o seu sonho.

Porém, hoje eu quero contar a você mais especificamente qual material de desenho eu uso no meu dia-a-dia de trabalho. Já vou adiantando que você não terá dificuldade alguma para encontrá-los, porque são vendidos em qualquer papelaria.

Continue lendo este artigo e esqueça o gato; use o cão mesmo!

  1. Papel: o mais básico material de desenho

Material de Desenho - A lista essencial

Nada demais. Folhas sulfites como aquelas que usamos na escola (A4, A3 ou qualquer outra).

Se você quiser algo mais bonito e organizado, tenha um sketchbook. Ele é basicamente um caderno de desenho para esboços (por isso, o nome “sketch”). Toda semana, eu posto um vídeo no YouTube praticando desenho (para desenhar melhor, você precisa treinar até a mão cair) e, às vezes, eu faço isso com meu sketchbook, assim como neste vídeo.

  1. Lápis: esboço, luz e sombra

Material de Desenho - A lista essencial

A ferramenta fundamental do desenho é o lápis. E existem diversos tipos de lápis – HB, 4B, 6B, lapiseira, colorido, etc.

Quem me acompanha no Instagram, já deve ter visto em ensinando a desenhar com camadas. E aí está o segredo: usar tipos de lápis diferentes para camadas diferentes irá facilitar o seu trabalho.

Seguem três etapas que funcionam muito bem para segmentar a construção do seu desenho com lápis:

#etapa1: Pré-esboço: o lápis de cor e as cores da leveza

Material de Desenho - A lista essencial

Antes de tudo, eu gosto de desconstruir o desenho em várias figuras geométricas.

Essa é a hora do rabisco, quando estou detectando a forma do desenho.

Por esse mesmo motivo, eu uso, levemente, um lápis de cor (azul, vermelho ou de qualquer outra cor), isto é, para não criar uma confusão de rabiscos quando eu for passar o grafite preto e criar as sombras, por exemplo. Portanto, lápis de cor só para garantir a clareza do esboço.

#etapa2: Esboço: um grafite rigidamente mais duro

Material de Desenho - A lista essencial

Na verdade, esse momento ainda é de pura leveza. Com um grafite mais duro, você consegue fazer traços mais clarinhos.

Lápis HB Lápis 1B Lápis nro. 2 (aqueles da escola) Lapiseira Qualquer um desses acima serve.

#etapa3: Luz e sombra: o início do fim

Material de Desenho - A lista essencial

Foque-se em usar um grafite poroso agora. Quanto mais você pressiona ele no papel, mais escuro é o desenho.

Ele é simplesmente incrível para o controle das variações de tonalidades (do clarinho à escuridão total) de acordo com o peso da mão.

O lápis 6B é mestre aqui. Ponto.

  1. Borracha: correção e detalhes

Material de Desenho - A lista essencial

Borracha boa não borra, não faz sujeira e é macia. A borracha preta possui todas essas características, por isso eu a uso.

Por outro lado, recomendo que você evite as verdes. E qualquer outra que sujem muito e borrem muito.

Agora, tem uma outra borracha cujo nome é prático: limpa-tipos. Você tem que saber usá-la porque ela não é tão prática assim, na prática.

Serve para detalhes: apagar falhas dos desenhos ou traços dos esboços, definir a iluminação e até mesmo retirar defeitos do pastel.

Material de Desenho - A lista essencial

Ela absorve o grafite. Por isso, tome cuidado para não borrar o papel.

A última borracha da qual vou comentar é uma mão na roda: caneta-borracha (ou borracha de bastão).

Ótima para limpar áreas pequenas, fera para detalhes.

Material de Desenho - A lista essencial

  1. Caneta: fechando com chave de ouro

Muita gente me pergunta quais são as canetas que eu uso, porque eu sempre posto meus desenhos no Instagram e, vez ou outra, aparece uma caneta ao lado da imagem.

Assim como os lápis, existem canetas para fins específicos.

Quando for comprar uma caneta, você deve ler em consideração, especialmente, a forma de sua ponta. Ela irá definir o nível de controle que você terá sobre o traço. Veja a seguir cinco canetas que eu uso, sendo que todas, exceto a última você encontra em qualquer papelaria. Aliás, ela é incrível.

#caneta1: STABILO

Material de Desenho - A lista essencial

As canetas STABILO tem uma ponta bem fininha, muitas cores disponíveis e uma tinta forte.

São legais para fazer detalhes, principalmente, em áreas pequenas. Não permitem, todavia, controle da pressão do traço, isto é, criar algumas partes mais grossas e outras mais finas.

Material de Desenho - A lista essencial

Funciona bem para hachuras e pontinhos de quadrinhos, por exemplo.

#caneta2: FUTURA

Material de Desenho - A lista essencial

A caneta futura, apesar de ser um pouquinho arrendondada, possui uma ponta triangular. Isso não significa que ela é Illuminati; apenas que você conseguirá ter controle do traço se você incliná-la.

Além disso, você ainda consegue fazer traços fininhos, semelhantemente ao que é possível com a STABILO.

Viu que massa?

#caneta3: Caneta para CD e DVD

Material de Desenho - A lista essencial

Um nome grande e óbvio para CD marker.

Eu costumo usar a caneta para CD e DVD para desenhar em madeira, plástico, parede, tudo, exceto papel. Simplesmente porque ela é bagunçada com folhas: atravessa o papel e mancha a superfície, por exemplo, a mesa da sala!

Fora isso, ela é boa. Com ela também tem a ponta triangular, você também consegue ter uma dinâmica razoável com essa caneta.

#caneta4: Pilot Color 850

Material de Desenho - A lista essencial

Penúltima caneta da lista, a Pilot Color 850 tem a ponta totalmente arredondada e, por isso, ela permite um domínio total do traço.

Ela me serviu muito, especialmente, para criar caricaturas. Por isso, caso você seja um caricaturista, a Pilot Color 850 é altamente recomendada para você.

Apertando mais a caneta, você consegue traços mais grossos e, soltando mais a mão, você consegue um mais leve. Excepcional.

#caneta5: Caneta-pincel

Material de Desenho - A lista essencial

Essa é show. Por isso, geralmente, você só consegue comprá-la pela Internet.

A caneta-pincel, também chamada de fude pen, é uma caneta japonesa híbrida, que possui características da caneta e do pincel. Ela precisa de ser abastecida com nanquim, e possui várias espessuras disponíveis – 0,5; 0,7, etc.

É um pincel que não precisamos de ficar molhando, porque possui um reservatório de tinta. Espetacular!

Apesar de ter 100% de controle sobre o traço com essa caneta, você precisa de ter habilidade com pincel para saber utilizá-la.

O melhor carro é o que eu tenho

Material de Desenho - A lista essencial

As dicas apresentadas aqui são ótimas. Mas é importante ter em mente que o material sozinho não faz nada.

Exatamente por isso que, pra você desenhar da forma correta com qualquer material, você precisa de um MÉTODO. É através de um método que você vai conseguir passar suas idéias para o papel.

E se você chegou até é porque você está comprometido com seu aprendizado e é por isso que eu quero te ajudar a dar o próximo passo te mostrando o meu método pra desenhar qualquer coisa.

Clica aqui nesse link pra assistir uma AULA ONLINE totalmente GRATUITA onde eu mostro passo a passo como desenhar de forma simples e objetiva

Material de Desenho - A lista essencial
Agora que você já conhece os materiais, é hora de usá-los da maneira certa, por isso eu quero que você assista essa aula.

A minha última dica é que você teste os materiais. O ideal é que você experimente ferramentas novas e fique com aquelas que você se adapte melhor.

No Facebook, Instagram e YouTube eu estou sempre estou mostrando os materiais que eu uso e testo.

Isso mesmo, testo o tempo todo.

Alinhando o método certo com o material que você se adapta, seu resultado vai ser incrível.

Por isso, a melhor ferramenta é que você usa melhor.

Compartilhe este artigo com seus amigos, se você gostou desse artigo, é bem possível que eles gostem também.

Compartilhe:
Ivan Querino

Ilustrador, Professor, Palestrante e Empreendedor. Apaixonado por Futebol, Música e Família, não necessariamente nessa ordem.

36
Deixe um comentário

avatar
17 Comment threads
19 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
21 Comment authors
Carlos EduardoMalachite020806Rafaela MartinsReinaldo JuniorGiovana Pimentel Recent comment authors
  Subscribe  
Notify of
Gustavo
Visitante
Gustavo

Muito bom!

Ivan querino
Visitante

Valeu Gustavo

Laiany Pauda
Visitante
Laiany Pauda

Muito úteis as dicas!!! Obrigada!

Ivan querino
Visitante

Que bom que gostou Laiany. Obrigado!

Jair Junior
Visitante

Que ótimo que ajudou 🙂

Laurinda Caires
Visitante
Laurinda Caires

Tenho vontade de aprender a desenhar, mas sou péssima nos traços .rsrsr. Parabéns por disponibilizar do seu tempo ensinando, GRATUITAMENTE, pessoas a dar os primeiros passos no desenho. Obrigada.

Ivan querino
Visitante

Muito obrigado!!! logo mais tem mais 😉

Isadora Lincke
Visitante
Isadora Lincke

Ótimas dicas!

Daniel Gustavo Yava Danguya
Visitante
Daniel Gustavo Yava Danguya

Gosto muito de desenhar mais péssimo tudo sai torto um olho maior e outro menor… mais obrigado pelas dicas.. valeu,,,

para quem também gosta de computador deixo o link da minha praia:
https://angohackianos.blogspot.com/

Joao_Brito
Visitante
Joao_Brito

Eu aprendi a desenhar melhor depois dos 40. Não desenho grande coisa,
mas me deixa feliz. Desligue a crítica (feio ou bonito estão só na sua
cabeça) e divirta-se desenhando, que seu traço logo vai mudar.

Ivan querino
Visitante

É isso aí João, o lance é sempre buscar melhorar a cada dia, mas sem pressão 😉

Mai
Visitante
Mai

Waa! Como esse post me ajudou! Todo lugar que eu procuro não especifica sobre os materiais, não explica direitinho a razão de um e outro, esse post é ótimo para iniciantes como eu que não entende muito bem sobre esse assunto. Aliás, um bocado de videos daqui me ajudaram! Principalmente a voltar a desenhar, só ainda não adquiri o curso pq não tenho cartão e to juntando para o boleto xD

Mas enfim, Parabéns e obrigada!!!

Ivan querino
Visitante

Eu que agradeço Mai… que bom que esse post te ajudou 😉

Thiago Oliveira
Visitante
Thiago Oliveira

Você desconhece canetas e penas para nankim?

Ivan querino
Visitante

Conheço e vou atualizar esse post falando sobre elas… VALEU

Ingrid Fornazari
Visitante
Ingrid Fornazari

Concordo 100%, estou há um tempo desempregada e não posso comprar materiais caros para desenhar. Um dia eu estava sem papel para desenhar, meu marido que é professor chegou com um maço de folhas de prova impressas e disse: olha só, faltaram todos esses alunos, vou ter que jogar todas essas folhas no lixo. Aí eu pensei porque não usar o verso para desenhar, e funcionou muito bem, uso sempre sobras de folhas para fazer os esboços e treinar.

Ercilia Louzada
Visitante
Ercilia Louzada

Nossa, que legal seu depoimento. O que importa na verdade são os traços…e podem ser feitos de qualquer material

André Luiz
Visitante

Boa tarde eu quando estudei desenho comecei a desenhar no papel jornal.
O bom e começar com material barato.
atenciosamente
André

Ivan querino
Visitante

É disso que eu to falando… Quem quer arruma um jeito, quem não quer arruma uma desculpa 😉 PARABÉNS!!!!!!

André Luiz
Visitante
André Luiz

Boa Tarde Ivan
Eu prefiro um lápis grafite 2b para desenhar e para sombras usar 3b a 9b. não uso outras numerações.
Desenhar claro com de lapis 2b ou 3b depende exercícios de risco,trasando linhas tão claras.
Faça tonalidades com grafite gradativamente tons bem claro ao escuro.
Atenciosamente
André Luiz

André Luiz
Visitante

Parabéns Ivan pela sua pagina!!!!!!!!!!!!!

Ivan querino
Visitante

Valeu cara, muito obrigado 😉

Edson Batista
Visitante
Edson Batista

ola Ivan, parabens pela iniciativa. Aqui na minha cidade não tem as numeraçoes acima do 6b.
adquiri um pouco do material que voce disponibilizou e procuro incentivar da mesma forma oos amigos e conhecidos que estao começando no desenho, repassando suas dicas e indicando seu canal. abraços e sucesso.

Ivan querino
Visitante

Legal Edson.. Valeu cara, logo mais tem mais 😉

Fernando Rosa
Visitante
Fernando Rosa

Ivan sempre muito boas suas dicas, obrigado!!!

Ivan querino
Visitante

Valeu Fernando 😉

Giovana Pimentel
Visitante
Giovana Pimentel

Boas dicas.Como já comecei a fazer um curso seu vai ajudar na ora de escolher o material.

Ivan querino
Visitante

Legal Giovana, Vamo que vamo 😉

Reinaldo Junior
Visitante
Reinaldo Junior

Ivan, gosto mais de usar lapiseira (0.5 e 0.7) do que lápis para desenhar.

Nesse caso eu posso usar qualquer tipo de grafite ou não faz muita diferença?

Ivan querino
Visitante

Eu costumo dizer que a melhor ferramenta é a que você usa melhor, se você tá bem adaptado e consegue bons resultado com a lapiseira, vai fundo. Existem grafites HB, 2B, 6B etc.. que funcionam como os lápis 😉

Rafaela Martins
Visitante
Rafaela Martins

Eu sempre gostei de desenhar, mas sempre tive medo que alguem nao gostasse mas agr eu resolvi comprar as coisas de desenho profissionais e tentar mesmo k os outros nao gostem

Malachite020806
Visitante
Malachite020806

uma pergunta,a caneta pincel é abastecida com nanquim que fica em tubos (como o da caneta tinteiro)?

Ivan querino
Visitante

Isso aí, mesmo processo… só jogar o nanquim lá dentro 😉

Carlos Eduardo
Visitante
Carlos Eduardo

nossa mano agr vc me deu uma iniciativa que eu vo toma pro resto da vida vlw acho que vai me ajudar mt

Ivan querino
Visitante

Que bom ler isso cara… VALEUUUU